fbpx

Como saber a voltagem de uma cidade

Imagem de capa - criança ligando um filtro de linha na tomada

O Brasil é um país cheio de mistérios, curiosidades e costumes típicos. E, em se tratando de voltagem, ele também possui suas diferenças. Dessa forma, muitas pessoas se pegam com a seguinte dúvida: como saber a voltagem de uma cidade?

E nesse sentido, podem existir várias respostas diferentes. Um cidade pode ter uma tensão de 110 v, 127 v ou 200v. Mas como saber qual é a voltagem correta?

Se você deseja saber a resposta para essa pergunta e outras curiosidades sobre como saber a voltagem de uma cidade, continue lendo este artigo.

Por que a voltagem de uma cidade é diferente da outra?

A voltagem das cidades foi definida ainda no século XX. Foi neste século que iniciou-se a rede de distribuição de energia. Mas as escolha entre a voltagem 110 v ou 220v, dependida da empresa que implantava o sistema.

Podemos notar, por exemplo, que empresas de origem europeia, que faziam a instalação do sistema na região nordeste, optavam pela voltagem 220v.

No entanto, empresas canadenses, que atuavam principalmente em regiões como São Paulo e Rio de Janeiro, optavam pelo sistema de 110 v.

Dessa forma, o Brasil foi se dividindo entre 110 e 220 v.

Sistema 220 v, por que algumas empresas o escolhem?

Como saber a voltagem de uma cidade por região vai depender ainda de outros fatores escondidos. Por exemplo, qual é o sistema mais econômico.

Nesse caso, muitas empresas escolheram implantar o sistema 220v exatamente pelo fato de que ele é muito mais barato de se instalar do que um sistema de 127 v ( sistema atual).

Isso porque a sua instalação requer condutores com bitola menor e isso resulta em menos cobre. Dessa forma, o sistema se torna então ais barato.

Contudo, não se pode afirmar que um sistema de 220v traz mais economia para o bolso do consumidor. Ao analisarmos os sistemas de 127 v e 220v, podemos notar que eles demandam a mesma quantidade de watts.

Existe um sistema mais perigoso que o outro?

O mais importante em como descobrir a voltagem de uma cidade, é estar atento aos perigos que ela pode oferecer.

Isso porque os sistema 220v é muito mais perigoso que um sistema de 127 v.

No entanto, não fique à vontade em lugares cujo sistema é de 127v. Pois qualquer tensão que seja acima de 50v oferece um grande risco para a vida humana.

Agora que você já entende um pouco sobre sistemas de voltagem é de entender que tipo de voltagem possui cada cidade.

Como saber a voltagem por Capital

De acordo com a Associação Brasileira dos Distribuidores de Energia Elétrica ( ABRADEE) a divisão de voltagem das capitais está distribuída da seguinte maneira:

  • Regiões Sudeste, Norte e parte do Centro- Oeste, utilizam atualmente um sistema de voltagem de 127v;
  • Regiões Sul, Nordeste, Distrito Federal e Goiás, utilizam atualmente um sistema de voltagem de 220v;
  • A região da Bahia, possui um sistema de voltagem de 220v, contudo, a sua capital, Salvador, possui um sistema de voltagem de 127v;
  • Minas Gerais possui cidades com diferentes tipos de voltagem, mas sua capital, Belo Horizonte, possui um sistema de 127 v;
  • Rio de Janeiro também possui cidades com diferentes sistemas de voltagem, mas sua capital possui um sistema de 127 v. Porém, por ser uma cidade turística, existem hotéis que possuem tomadas 220v;
  • Rio Grande do Sul, em sua capital, Porto Alegre, possui um sistema de voltagem de 127v;
  • São Paulo, possui um sistema de voltagem de 127 v em sua capital, havendo exceções em algumas de suas cidades;
  • Pará, Paraná, Pernambuco. Sergipe e Tocantins possuem um sistema de 120v. É válido destacar que temos exceções para a região de Recife, Olinda, Palmas e Aracajú cujo o sistema de voltagem é de 220v.
  • Em Brasília, o sistema de voltagem é de 220v.

Sistema de voltagem das principais cidades turísticas do Brasil

Se vou ainda não descobriu como saber o sistema de voltagem e vai viajar, não se preocupe, separamos uma tabela com os sistemas de voltagens das capitais

Cidades Turísticas Sistemas de Voltagem
Aracajú/SE 127V
Belém/ PA 127 V
Belo Horizonte/MG 127V
Brasília/ BR 220V
Boa Vista/RO 127V
Campo Grande/MS 127V
Cuiabá/MT 127V
Curitiba/PR 110 V
Fortaleza/CE 220V
Florianópolis/SC 220V
Goiânia/GO 220V
João Pessoa/ PE 220V
Macapá/ AP 127V
Maceió/AL 220V
Manaus/AM 127V
Natal/RN 220V
Palmas/TO 220V
Porto Alegre/RS 127V
Porto Velho/RO 127V
Rio Branco/AC 127V
Rio de Janeiro/RJ 127V
Recife/PE 200V
São Paulo/SP 127V
Teresina/PI 220V
Vitória/ES 110V

Voltagem de algumas cidades turísticas

 

Mulher jovem caminhando pelas ruas de uma cidade

E se você ainda está à procura de como saber a voltagem de uma cidade, separamos a voltagem de algumas cidades turísticas para que você possa analisar.

Alcântara-MA – 220 volts

Alter do Chão-PA – 110 volts

Alto Paraíso-GO – 220 volts

Angra dos Reis-RJ – 220 volts

Aracruz-ES – 110 volts

Arraial do Cabo-RJ – 110 volts

Baía Formosa-RN – 220 volts

Balneário Camboriú-SC – 220 volts

Bento Gonçalves-RS – 220 volts

Blumenau-SC – 220 volts

Bombinhas-SC – 220 volts

Bonito-MS – 110 volts

Brotas-SP – 220 volts

Búzios-RJ – 110 volts

Cabo Frio-RJ – 110 volts

Cáceres-MT – 110 volts

Cajueiro da Praia-PI – 220 volts

Caldas Novas-GO – 220 volts

Campos do Jordão-SP – 110 volts

Canela-RS – 220 volts

Canindé de São Francisco-SE – 110 volts

Canoa Quebrada-CE – 220 volts

Caruaru-PE – 220 volts

Caxias do Sul-RS – 220 volts

Congonhas-MG – 110 volts

Corumbá-MS – 110 volts

Diamantina-MG – 110 volts

Fernando de Noronha-PE – 220 volts

Garopaba-SC – 220 volts

Gramado-RS – 220 volts

Guarapari-ES – 110 volts

Ilhabela-SP – 220 volts

Ilha do Marajó-PA – 110 volts

Ilha Grande-PI – 220 volts

Ilha Grande-RJ – 220 volts

Ilha Mexiana-PA – 110 volts

Ilhéus-BA – 110 volts

Maragogi-AL – 220 volts

Mariana-MG – 110 volts

Morro de São Paulo-BA – 220 volts

Nobres-MT – 110 volts

Ouro Preto-MG – 110 volts

Paraty-RJ – 110 volts

Petrópolis-RJ – 110 volts

Pirenópolis-GO – 220 volts

Pium-TO – 220 volts

Porto de Galinhas-PE – 220 volts

Porto Seguro-BA – 220 volts

Porto Velho-RO – 110 volts

Praia da Pipa-RN – 220 volts

Santa Cruz Cabrália-BA – 220 volts

Teresópolis-RJ – 110 volts

Tiradentes-MG – 110 volts

Trancoso-BA – 220 volts

Ubatuba-SP – 220 volts

Visconde de Mauá-RJ – 110 volts

Xapuri-AC – 110 volts

Principais cuidados

Sempre que você for para outra cidade, é importante que você se certifique sobre qual é o seu tipo de voltagem.

Para isso, você poderá utilizar como referência o site da ANEEL. Para que você possa ter acesso, basta clicar aqui.

Para navegar no site e entender como saber a voltagem de uma cidade é muito simples.

Ao clicar no link, você cairá direto na baixa que você vê logo abaixo.

site da Aneel - tensões nominais cidades do Brasil
Site da Aneel – Mais detalhes sobre tensões nominais.

Ao rolar a página, você notará que o site pede que você selecione um estado e, em seguida um município.

Como exemplo, utilizamos o estado de São Paulo e selecionamos a cidade de Aguaí.

Note, na figura baixo, que o sistema dá as informações exatas sobre voltagem que você precisa saber por região.

site da Aneel - informações detalhadas de como saber a voltagem de uma cidade
Exemplo de consulta com a cidade de aguaí.

 

Existe ainda outra forma de saber a voltagem local que é através da leitura do valor em um voltímetro ou um multímetro. Mas fique atento e somente use esses equipamentos de medição se souber usar.

Neste link tem um guia que preparei sobre como usar o multímetro.

Tome cuidado apenas com o tipo de Tensão Nominal que você está analisando. Pois a que você deverá tomar como base, é a Tensão Nominal secundária, que é utilizada para casas, comércios e pequenas indústrias.

Além disso, é válido ressaltar que, mesmo sabendo a tensão de uma cidade, é importante, ao chegar lá, se certificar de que de fato é voltagem que você verificou.

Desse modo, você evitará tomar choques e queimar aparelhos devido à sua incompatibilidade com o sistema de voltagem.

 

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *